Inadimplência Condominial

assas-mediacoes-especialidades-inadimplencia-condominial-2

Conheça sobre nossa especialidade Agrobusiness

Optar por viver em comunidade às vezes significa ter de enfrentar alguns problemas nesse tipo de vida social. Como síndico, então, você já deve ter percebido que a inadimplência em condomínio pode ser um dos maiores desafios para a gestão coletiva. Lidar com condôminos inadimplentes é complicado. Além de incomodar o seu trabalho, isso também atrapalha a vida de quem paga as contas em dia, além de sempre haver o constrangimento de ter que cobrar de quem você tem consciência que passa por dificuldades reais. Esse é um dos principais desafios para os síndicos, saber como lidar com esse problema. A Asas Mediações tem uma solução inteligente para casos como esses.

Infelizmente, é raro um síndico que não passa pela situação de ter ao menos um morador inadimplente, isso quando não são vários. A falta de pagamento das cotas condominiais se torna um grande problema para todos, começando pela falta de verba para o sustento do empreendimento, depois força que os demais moradores paguem pelo faltante, fazendo com que o síndico seja obrigado a enfrentar a crise, ainda tendo que cobrar o inadimplente judicialmente.

Não poucas vezes o inadimplente pode até ser amigo do próprio síndico, causando uma situação constrangedora, tornando a relação difícil de sustentar.

Como sempre, é melhor prevenir do que remediar. A primeira dica sobre como o síndico pode tentar evitar a inadimplência em condomínio é manter uma boa organização das finanças, provendo sempre uma reserva para tais eventualidades de atrasos. Deve sempre observar com cuidado e atenção toda e qualquer arrecadação de taxas e os primeiros sinais de atraso.

Essa medida é importante para que um déficit não passe despercebido e se transforme em uma bola de neve. Quanto antes o síndico perceber o problema, mais rápido poderá agir. Logo, fica mais fácil controlar o tamanho da dívida do morador e a reverberação disso no condomínio.

A segunda dica que deve ser observada é a designação do ambiente em que eventual conflito deverá ser discutido e acertado. Até hoje, escritórios de advocacia e o judiciário eram os caminhos existentes. Porém, agora existe uma maneira de baixo custo e rapidez nas soluções que é através da Câmara de Justiça Arbitral Privada Asas Mediações, onde poderá haver uma instância de Mediação para a composição de um acordo, fora do ambiente do condomínio e, se a mediação se tornar incapaz de trazer solução ao problema, existe a Arbitragem, que traz a solução de um julgamento, com Juiz escolhido pelo condomínio, que vai prolatar a sentença em, no máximo, 180 dias. A sentença arbitral tem a mesma segurança jurídica da sentença do judiciário estatal, porém à ela não cabe recurso. Isto é, o que por ela for decidido, deverá ser cumprido.

Para que o procedimento seja adotado, o síndico deverá realizar uma reunião da assembleia dos condôminos para decidirem utilizar a Câmara de Justiça Arbitral Asas Mediações, Conciliações e Arbitragens, com o mesmo texto da Cláusula Compromissória Escalonada.

Pronto, está equacionada a solução ideal para prevenção de atrasos condominiais. Veja no link Mediação Condominiais para Inadimplentes.

Mas tem mais, a convivência em condomínio também gera outros problemas para o gestor condominial, tais como riscos de segurança para moradores, uso indevido para uso das áreas comuns, tumultos nas assembléias, briga entre condôminos, barulhos excessivos, animais domésticos, além de problemas de instalações hidráulicas e elétricas de responsabilidade do condomínio.

Tudo isso também pode ser resolvido com a adoção da Cláusula Compromissória Escalonada, sempre fora do ambiente do condomínio, através da Asas Mediações, através de procedimento de Mediação, ou de Arbitragem, realizado por competentes profissionais especializados em ambientes condominiais.

Inscreva-se com seu email e fique por dentro das novidades

  • (11) 99988-7261 / (11) 98510-7892
  • atendimento@asasmediacoes.com.br
  • Avenida Paulista, 2073 - Horsa II, 17º. andar, cj 1702 - São Paulo/SP - 01311-940